A curta-metragem «O Sapateiro», de David Doutel e Vasco Sá, venceu a primeira edição do prémio SPA/Vasco Granja, da XI Monstra – Festival de Animação de Lisboa, que distingue o melhor filme de animação português de 2011. 

O prémio, fruto de uma parceria entre o festival e a Sociedade Portuguesa de Autores (SPA), no valor de cinco mil euros, é, de acordo com a organização, «um incentivo à produção de cinema de animação em Portugal».

Grande Prémio da Monstra foi atribuído a «Body Memory», do realizador estónio Ülo Pikkov. «Viagem a Cabo Verde», do português José Miguel Ribeiro, venceu nas categorias Melhor Filme Internacional (Prémio do Público) e Melhor Filme Português Competição Internacional. O Prémio do Público para Melhor Filme Português foi entregue a Marta Monteiro por«Independência de Espírito».

Na categoria de Curtíssimas, dedicada a filmes com menos de dois minutos e que inclui qualquer género de animação e publicidade, os vencedores foram «Sinestesia da Saudade», do norte-americano Eric Tortora Pato (Internacional) e «Ainda o Natal», do português Cláudio Sá (Portuguesa).

A competição de Filmes de Estudantes Portugueses foi ganha por «Conservar», do Colectivo de Jovens de Portimão Fotograma 24 (Portuguesa). Na Competição Internacional foram distinguidos ex-áqueo «We May Meet, We May Not», da lituana Skirma Jakaite, e «The Renter», do norte-americano Jason Carpenter.

Foram ainda atribuídos, entre outros galardões e menções honrosas, prémios a «Sleep», dos suiços Claudius Gentinetta e Frank Braun, de Melhor Banda Sonora, e «Dodu – o Rapaz de Cartão», do português José Miguel Ribeiro,, de Melhor Série TV.

A Monstra arrancou na segunda-feira e termina no domingo, dia em que os filmes premiados poderão ser vistos no cinema São Jorge, às 16:00 e às 18:00, e no Cinema City Alvalade, às 19:15 e 21:45.

@Lusa

TRAILER:

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *


*

Post Navigation